Psicologia do Exercício

A Psicologia do exercício e da saúde para o bem-estar pessoal tem por objectivo sensibilizar os indivíduos para a importância da implementação da prática do exercício físico no quotidiano. Procura avaliar a actividade física praticada (passear, andar a passo ligeiro, subir escadas, andar de bicicleta, tarefas domésticas…) para a posteriori desenvolver hábitos saudáveis e práticas comportamentais ajustadas, de forma a promover a auto-estima, motivação e imagem corporal de cada indivíduo. Desenvolver um estilo de vida saudável através do exercício físico diminui a probabilidade de surgimento de desajustamento emocional e aumenta a qualidade dos relacionamentos interpessoais.

  • Sensibilização acerca da importância do exercício físico na prevenção da morte prematura
  • Racionalização do processo de esforço subjacente à modificação comportamental
  • Avaliação e modificação dos hábitos e práticas quotidianas
  • Valorização da associação existente entre o exercício físico, o bem-estar, a qualidade de vida e o convívio
  • Esclarecimento da relação obesidade/exercício físico
  • Promover a independência do indivíduo
  • Aquisição precoce de comportamentos para a saúde
  • Promover a preocupação com um estilo de vida saudável
  • Promover os cuidados primários de saúde
  • Avaliação da associação desajustamento emocional/prática do exercício físico
  • Actuar segundo o Modelo Biopsicossocial: ter em consideração os factores biológicos, psicológicos (cognições, emoções, motivação) e sociais, como seja, suporte social, emoções, factores de risco e resiliência, stresse, coping e vulnerabilidade
  • Compreender os mecanismos e comportamento que estão na origem da saúde/doença, procurando a manutenção das condições de saúde e de adaptação psicológica à doença física
  • Detecção precoce e avaliação das perturbações psicológicas associadas à doença, reabilitação psicológica em indivíduos com doença física.

Net @ - sites para internet